Segunda

Eu sempre nutri um certo fascínio pelas segundas-feiras. A verdade é que sempre acreditei nas segundas-feiras.

Sim, segundas são realistas. Segunda é dia de levantar: arregaçar as mangas e ir à luta.

Segundas não possuem a expectativa dos sábados, tampouco o conformismo dos domingos.

Todas as segundas são imbuídas de ação e esforço. Segundas têm essa capacidade — e possibilidade — de mudança.

Segunda é recomeço; é transformação, mas também continuidade.

Eu sempre acreditei e sempre acreditarei nas segundas. Ainda bem.

I write what I cannot forget

I write what I cannot forget